sexta-feira, 22 de fevereiro de 2008

Enchentes em São Paulo. Culpa só dos Politicos?




Sempre nessa época, vemos na TV, noticias, e imagens de carros com água até o teto, com pessoas chorando porque perderam tudo, rios transbordando, enfim, um caos.

O Pior é que aparecem na TV, pessoas, moradores, e até jornalistas cobrando obras faraônicas dos Políticos, para q seja feito algo e não tenha mais enchentes assim.

Oras, vamos parar pra pensar um pouco...

Claro que prefeitos, governadores, enfim, nossos representantes políticos deviam fazer mais obras, e tudo mais, para estancar pelo menos isso.



Mas o maior culpado disso é o morador mesmo, é pessoa como eu, você ou qualquer um q enche a cidade de lixo. É hipocrisia culpar apenas nossos representantes políticos, sendo q nossa parte não fazemos. Eu também, não tenho muito essa consciência ecológica do século atual, e infelizmente isso é a maior parte do povo brasileiro.

Essa foto q peguei na web, da Folha de SP, retrata bem porque temos bastantes enchentes. É coisa mais obvia do mundo. Muito lixo na rua, coisas grandes, que vão desde potinhos de Danone, até televisores q não funcionam e jogam na rua.
E isso tudo quando chove vai para as galerias, o q acaba entupindo tudo e ai conseqüentemente a água sobe, né?

E também é de conhecimento de todos, q todo rio inunda, alias, quando aluno eu tinha um professor q falava q rio q não inunda, não é rio, então, quem ocupa a área de inundação desses rios, vai sofrer com isso. E é o q fazem muito dos q ocupam áreas próximas a rio, constroem um casebre, o rio inunda, perdem tudo, ele reclamam dos políticos.

É complicado, sem contar também, aqueles q ocupam morros, desmatam a vegetação que segura toda a terra, e constrói um barraco, ai vêm à chuva de começo de ano, e leva tudo embora, matando pessoas, e lá vão eles reclamarem de desmazelo político.

Ok, concordo que deveriam dar mais oportunidades para o pessoal trabalhar, terern melhores condições de vida e tal, mas mesmo assim, prevaleceria a "lei de Gerson" e reclamariam do mesmo jeito.

Precisam é parar de reclamar, e mudar alguns hábitos, como eu disse ali em cima, a começar por parar de jogar lixo na rua, e em tudo, jogue nos lugares adequados, q pelo menos a sua parte você fará, e se a maioria pensar assim, á é um avanço.

Enquanto não tiverem essa consciência, não adianta sentarem no sofá, q tiraram da sala inundada, e ficarem chorando em tigelinhas...


3 Comentou. Comente você também.:

gleyson disse...

eu concordo com isso mais os politicos são os mais culpado com essa mortes tantas pessoas desabrigada.o governo recebe uma verba muito grande para evitalos esses costrangimentos.de mortes acidentes de transitos, a violencia.eles precisa envertir mais a segurança da população.

Señora Castillo disse...

os canais sensacionalistas que não têm conteúdo para televisionar ficam acompanhando ao vivo cada segundo da tragédia, mais um carro boiando, mais um corpo encontrado, e o babaca do reporter ou apresentador não para de repetir : - Isto é para que vejam a calamidade e pensem na próxima eleição.
Então pensei entediada, porque esta população de asnos não começam por olhar para os lixeiros e desenvolvem a brilhante idéia de acertar a lata e não o asfalto com suas sobras?

Señora Castillo disse...

Sim, parte da culpa é do Estado, isto é fato. Mas o que a massa pode fazer para evitar tamanhos desastres não faz. Deste modo percebe-se que se a população não tem a consciência que não pode despejar suas sobras nas ruas, é fato que votar é uma tarefa ainda mais complicada para tais. Não ter consciência do espaço a sua volta indica que não há consciência para escolha de quem lidera o estado.